Amanda Borges – Tira o Celular da Minha Mão

Amanda Borges - Tira o Celular da Minha Mão

Amanda Borges – Tira o Celular da Minha Mão

Letra:

Ontem eu acordei
Com ressaca moral
Quando vi meu celular
Quase passei mal

Te mandei mensagem a noite inteira
Você visualizou
E vi que só me ignorou

Não foi a primeira vez que aconteceu
Quando bebo eu me perco, não sou eu
Minha vergonha vai embora
E eu te ligo toda hora

Pelo amor de Deus
Tira o celular da minha mão
Bebi de novo e vou fazer besteira
A bebida é minha amiga traiçoeira

Pelo amor de Deus
Tira o celular da minha mão
Bebi de novo e vou fazer besteira
A bebida é minha amiga traiçoeira

Ontem eu acordei
Com ressaca moral
Quando vi meu celular
Quase passei mal

Te mandei mensagem a noite inteira
Você visualizou
E vi que só me ignorou

Não foi a primeira vez que aconteceu
Quando bebo eu me perco, não sou eu
Minha vergonha vai embora
E eu te ligo toda hora

Pelo amor de Deus
Tira o celular da minha mão
Bebi de novo e vou fazer besteira
A bebida é minha amiga traiçoeira

Pelo amor de Deus
Tira o celular da minha mão
Bebi de novo e vou fazer besteira
A bebida é minha amiga traiçoeira

Ontem eu acordei
Com ressaca moral
Quando vi meu celular
Quase passei mal

Te mandei mensagem a noite inteira
Você visualizou
E vi que só me ignorou

Não foi a primeira vez que aconteceu
Quando bebo eu me perco, não sou eu
Minha vergonha vai embora
E eu te ligo toda hora

Pelo amor de Deus
Tira o celular da minha mão
Bebi de novo e vou fazer besteira
A bebida é minha amiga traiçoeira

Pelo amor de Deus
Tira o celular da minha mão
Bebi de novo e vou fazer besteira
A bebida é minha amiga traiçoeira