Carvalho e Mariano – Embriagando Solidão

Carvalho e Mariano - Embriagando Solidão

Carvalho e Mariano – Embriagando Solidão

Letra:

To passando um perrengue danado
Ô caboclo que tá desandado, pensa num cara ferrado
Multiplica aí por quatro
Só Deus sabe o que eu passo

Pensei que fosse duro na queda
Daqueles que o amor nunca pega

Firma o taco coração
Não entra nessa fria não
Firma o taco coração
Desconta a raiva no litrão

Embriagando a solidão