Henrique e Macedo – Luizinha Vermelha

Henrique e Macedo - Luizinha Vermelha

Henrique e Macedo – Luizinha Vermelha

Letra:

Sabadão a noite pego o carro e vou zuar
Parceiro que é parceiro em casa vou buscar
Deizão de cada para o tanque nois encher
E no porta mala gelo e cerveja vai ter

Saímos sem destino turismo na região
Cidade por cidade procurando diversão
Mais se não achamos nada ai que decepção
Para salvar nossa noitada é só la mesmo meu irmão

Dale, dale luzinha vermelha
Dale, dale luzinha vermelha
Dale, dale luzinha vermelha
Dale, dale luzinha vermelha

A luzinha vermelha é trem muito bom
Lá não tem preconceito e nem discriminação
Tomando a cerveja pagando a consumação
Agita a noite inteira e se diverte de montão

Dale, dale luzinha vermelha
Dale, dale luzinha vermelha
Dale, dale luzinha vermelha
Dale, dale luzinha vermelha

Sabadão a noite pego o carro e vou zuar
Parceiro que é parceiro em casa vou buscar
Deizão de cada para o tanque nois encher
E no porta mala gelo e cerveja vai ter

Saímos sem destino turismo na região
Cidade por cidade procurando diversão
Mais se não achamos nada ai que decepção
Para salvar nossa noitada é só la mesmo meu irmão

Dale, dale luzinha vermelha
Dale, dale luzinha vermelha
Dale, dale luzinha vermelha
Dale, dale luzinha vermelha

A luzinha vermelha é trem muito bom
Lá não tem preconceito e nem discriminação
Tomando a cerveja pagando a consumação
Agita a noite inteira e se diverte de montão

Dale, dale luzinha vermelha
Dale, dale luzinha vermelha
Dale, dale luzinha vermelha
Dale, dale luzinha vermelha

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here