Henrique e Macedo – Porto Alegre

Henrique e Macedo - Porto Alegre

Henrique e Macedo – Porto Alegre

Letra:

Ele um moço de origem simples
Criado no interior do Paraná
Ela uma garota mimada
Tinha tudo que o dinheiro
Poderia comprar

Desde pequeno trabalhando e cantando
Em busca de um futuro melhor
Cidades e cidades ele foi passando
Mas sempre se sentindo só

Mas tudo ia mudar o amor o encontrar
Aquela moça linda que cruzou o seu olhar
Com sorriso perfeito bateu forte no peito
Nunca mais eu me esqueço daquele lugar

E foi em Porto Alegre que eu a conheci
Naquele bar, voz e violão
Noite de inverno, que eu nunca esqueci

Depois daquela noite varias vezes
Para lá eu voltei
Eu e meu violão sozinho outra vez
Mas de repente em um relance
Essa noite eu avistei
Com um homem do lado recém-casados
Pro casal eu cantei

Ele um moço de origem simples
Criado no interior do Paraná
Ela uma garota mimada
Tinha tudo que o dinheiro
Poderia comprar

Desde pequeno trabalhando e cantando
Em busca de um futuro melhor
Cidades e cidades ele foi passando
Mas sempre se sentindo só

Mas tudo ia mudar o amor o encontrar
Aquela moça linda que cruzou o seu olhar
Com sorriso perfeito bateu forte no peito
Nunca mais eu me esqueço daquele lugar

E foi em Porto Alegre que eu a conheci
Naquele bar, voz e violão
Noite de inverno, que eu nunca esqueci

Depois daquela noite varias vezes
Para lá eu voltei
Eu e meu violão sozinho outra vez
Mas de repente em um relance
Essa noite eu avistei
Com um homem do lado recém-casados
Pro casal eu cantei

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here