Max Moura e Cristiano – Vazio Obsoleto

Max Moura e Cristiano - Vazio Obsoleto

Max Moura e Cristiano – Vazio Obsoleto

Letra:

Olha amor
Não há nada nesse mundo que você possa causar que não seja minha dor
No instante que sumiu da minha vida e foi ser vista com um amador
Ou seja lá quem for
Eu escondi, qualquer simples evidência que mostrasse que a sofrência existia aqui
Pois a imagem dessa cena não vai mais valer a pena ser mostrada a ti
Que me deixou aqui
Com o copo cheio derramando de cachaça
No meu carro tá tocando aquela desgraça daquela moda
Que eu tanto acho foda… E que me faz beber
Pra esquecer você

E no meu copo um vazio obsoleto, faz eu descumprir o que prometo
E eu me pego aqui enchendo a cara sem compromisso
E no meu carro Max Moura & Cristiano o dia inteiro
E me faz chorar de todo jeito
E mais uma vez eu caio nessa armadilha
Eu tentei montar família com quem só me engana

Olha amor
Não há nada nesse mundo que você possa causar que não seja minha dor
No instante que sumiu da minha vida e foi ser vista com um amador
Ou seja lá quem for
Eu escondi, qualquer simples evidência que mostrasse que a sofrência existia aqui
Pois a imagem dessa cena não vai mais valer a pena ser mostrada a ti
Que me deixou aqui
Com o copo cheio derramando de cachaça
No meu carro tá tocando aquela desgraça daquela moda
Que eu tanto acho foda… E que me faz beber
Pra esquecer você

E no meu copo um vazio obsoleto, faz eu descumprir o que prometo
E eu me pego aqui enchendo a cara sem compromisso
E no meu carro Max Moura & Cristiano o dia inteiro
E me faz chorar de todo jeito