Pedro Paulo e Alex – Louca e Desandada

Pedro Paulo e Alex - Louca e Desandada

Pedro Paulo e Alex – Louca e Desandada

Letra:

Amanheceu e ainda não chegou em casa
Essa mina é louca, ela é desandada
Solta o som do pancadão, abre o porta mala
Essa mina é louca, ela é desandada

Soltou o cabelo, botou a mão no joelho
Só pra me provocar desceu devagar
Grave tremendo o capô, a batida fazendo tum tum
Na sequência ela sensualiza
E mexe o bumbum, bumbum, bumbum

Amanheceu e ainda não chegou em casa
Essa mina é louca, ela é desandada
Solta o som do pancadão, abre o porta mala
Essa mina é louca, ela é desandada

Soltou o cabelo, botou a mão no joelho
Só pra me provocar desceu devagar
Grave tremendo o capô, a batida fazendo tum tum
Na sequência ela sensualiza
E mexe o bumbum, bumbum, bumbum

Amanheceu e ainda não chegou em casa
Essa mina é louca, ela é desandada
Solta o som do pancadão, abre o porta mala
Essa mina é louca, ela é desandada

Soltou o cabelo, botou a mão no joelho
Só pra me provocar desceu devagar
Grave tremendo o capô, a batida fazendo tum tum
Na sequência ela sensualiza
E mexe o bumbum, bumbum, bumbum

Amanheceu e ainda não chegou em casa
Essa mina é louca, ela é desandada
Solta o som do pancadão, abre o porta mala
Essa mina é louca, ela é desandada

Soltou o cabelo, botou a mão no joelho
Só pra me provocar desceu devagar
Grave tremendo o capô, a batida fazendo tum tum
Na sequência ela sensualiza
E mexe o bumbum, bumbum, bumbum

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here