Tato e Ed Reis Part. Bruno e Barretto – Potência

Tato e Ed Reis Part. Bruno e Barretto - Potência

Tato e Ed Reis Part. Bruno e Barretto – Potência

Letra:

Ao potência
Eu já to ouvindo a viola chorar
Ao potência
O som sertanejo não pode parar
Gostar de gandar e rabo de saia e cerveja gelada é a nossa essência
Vou cantar

Ao potência

Eu já me liguei
E não vou mudar
Adoro uma sertanejeira pra gente dançar
Segura dj não deixe esfriar
Porque essa festa tá boa e não pode parar
Aqui só tem direito de gerencia
Vou cantar
Ao potência
Eu já to ouvindo a viola chorar
Ao potência
O som sertanejo não pode parar
Gostar de gandar e rabo de saia e cerveja gelada é a nossa essência
Vou cantar

Ao potência

Eu já me liguei
E não vou mudar
Adoro uma sertanejeira pra gente dançar
Segura dj não deixe esfriar
Porque essa festa tá boa e não pode parar
Aqui só tem direito de gerencia
Vou cantar

Ao potência
Eu já to ouvindo a viola chorar
Ao potência
O som sertanejo não pode parar
Gostar de gandar e rabo de saia e cerveja gelada é a nossa essência
Vou cantar

Ao potência

Eu já me liguei
E não vou mudar
Adoro uma sertanejeira pra gente dançar
Segura dj não deixe esfriar
Porque essa festa tá boa e não pode parar
Aqui só tem direito de gerencia
Vou cantar
Ao potência
Eu já to ouvindo a viola chorar
Ao potência
O som sertanejo não pode parar
Gostar de gandar e rabo de saia e cerveja gelada é a nossa essência
Vou cantar

Ao potência

Eu já me liguei
E não vou mudar
Adoro uma sertanejeira pra gente dançar
Segura dj não deixe esfriar
Porque essa festa tá boa e não pode parar
Aqui só tem direito de gerencia
Vou cantar

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here