Tribo da Periferia Part. Marília Mendonça – Conspiração

Tribo da Periferia Part. Marília Mendonça - Conspiração

Tribo da Periferia Part. Marília Mendonça – Conspiração

Letra:

Olha o mundo conspirando
Pra destruir esse romance
Tão mutante nesse instante tá mais sólido que água

Nós pode até brigar por nada
Mas depois que a raiva passa não tem espaço pra mágoa
Eu tô voltando pra Brasília
Pra buscar essa menina que roubou a minha paz

A parceria é daquela se não mata, aleija
Nós é f0da demais
Nós curte, cê pira, se envolve
Nós vira, não dorme, nós é f0da demais
Reprise, repete, nós pode
Nós bebe, nós é f0da demais

Ela é maluca e eu sou o rei do virote
Meu Deus aí que sorte, nós é f0da demais

E se nós junta no início da noite
É vinte quatro por doze

Ela é melhor amiga pra beber
Ela é minha conselheira no amor

Ele é o melhor motivo pra dizer
Que a diversão apenas começou

Ela é o meu tempero no rolê
É quem faz acontecer
E quando vê
Nós já virou
O resto você nem vai entender
Fazer o que, né
Mas demorô

Baby me leva, bem
Mata de inveja
Quem, não quer ver nosso bem
Baby me leva
Mata de inveja
Mata de inveja

Nós curte, cê pira, se envolve
Nós vira, não dorme, nós é f0da demais
Reprise, repete, nós pode
Nós bebe, nós é f0da demais

Ela é maluca e eu sou o rei do virote
Meu Deus aí que sorte
Nós é f0da demais

E se nós junta no início da noite
É vinte quatro por doze

Olha o mundo conspirando
Aqui cê vai ficar querendo
Porque a loucura dela é minha festa
E eu sou o vício
Conspira aí “vamo” vai vivendo
Bem no silêncio, mas progredindo

Nós é f0da demais
Nós é f0da demais